Make your own free website on Tripod.com

 
A Tua Boca
 
Os teus lábios, vermelho, vivos são
Asas de fogo em trémulos adejos,
Chamas de rosas rubras,de desejos,
Laberedas sanguíneas de paixão
 
A tua boca é rúbido clarão
Dessa alma ardendo em rútilos lampejos,
Cadinho de coral onde meus beijos
Em mago incenso transformar-se vão.
 
Concha divina de pérolas cheia,
Mimo que o mar ofereceu à areia,
E na areia deixou,na maré vaza.
 
Na tua boca um céu purpúrio brilha
Um céu de nácar, céu de maravilha
Como numa manhã de Junho em brasa.
 
AnjoDeLuz - Antonio Mota
Minha autoria
05.06.2002


 

Formatação by odeteronchibaltazar